Regulamento 2018

1. Participação

1.1 Podem participar do CSFB 2018 todos os estudantes das escolas públicas e particulares brasileiras, matriculados regularmente desde o 3º ano do Ensino Fundamental até a 3ª série do Ensino Médio.

1.2 É vedada a participação de estudantes de escolas preparatórias para os vestibulares.

 

2. Inscrição

2.1 A inscrição é feita por meio da escola. O responsável pelo projeto de cada escola deve inserir os dados solicitados na seção Inscrições nesta página do site. Se a inscrição for bem sucedida, o responsável cadastrado receberá um nome de usuário e uma senha de acesso à área reservada. Somente com esse nome de usuário e senha poderão ser acessadas as páginas contendo as provas e folhas de respostas para reprodução.

2.1.1 A partir de 06 de novembro de 2017 será possível fazer a inscrição da escola na referida seção.

2.1.2 Não são permitidas inscrições de pessoas físicas, isto é, um estudante ou grupo de estudantes não podem fazer inscrição sem a intermediação de suas escolas.

2.2 O período de inscrições estende-se de 06 de novembro de 2017 a  28 de fevereiro de 2018. Não serão aceitas inscrições fora desse período sob qualquer hipótese.

2.3 A inscrição é gratuita e nenhuma taxa de participação é exigida da escola

2.3.1. As escolas que optarem por receber medalhas físicas para seus alunos premiados deverão arcar com custos do material e de remessa. Acompanhe pelo site o calendário do evento, de modo a não perder o prazo para aquisição das medalhas.

2.4 O Canguru não se responsabiliza pela participação da escola que tiver seu representante substituído no decorrer do processo, exceto se houver um comunicado explícito da escola indicando o novo representante. Será necessária a anulação da inscrição anterior antes de ser validada a nova inscrição.

 

3. As Provas

3.1 As provas são objetivas (testes) com cinco respostas alternativas, sendo apenas uma a correta.

3.2 Há seis níveis de provas:

nível PE – alunos do 3º e 4º anos do EFI

nível E – alunos do 5º e 6º anos do EFI e EFII, respectivamente

nível B – alunos do 7º e 8º anos do EFII

nível C – alunos do 9º ano do EFII

nível J – alunos da 1ª e 2ª séries do EM

nível S – alunos da 3ª série do EM

3.3 Números de questões: os níveis PE e E têm 24 problemas e os demais níveis têm 30 problemas.

3.4 Duração máxima: 1h 40 min para todos os níveis.

3.5 Organização: As questões são propostas em ordem de dificuldade crescente (primeiro terço da prova, questões básicas; segundo terço, questões mais exigentes e terceiro terço, questões mais desafiantes ou técnicas). Nos níveis mais elementares, poucos conhecimentos técnicos são exigidos. Nos níveis J e S algum conhecimento técnico é necessário.

3.6 Pontuação: Nos níveis PE e E, as questões de 1 a 8 valem 3 pontos, as questões de 9 a 16 valem 4 pontos e as questões de 17 a 24 valem 5 pontos, totalizando 96 pontos. Nos demais níveis, as questões de 1 a 10 valem 3 pontos, as questões de 11 a 20 valem 4 pontos e as questões de 21 a 30 valem 5 pontos, totalizando 120 pontos. Respostas erradas, rasuradas ou com mais de uma opção são penalizadas. É possível evitar a penalização, conforme instrução abaixo. Para o cálculo final da nota, somam-se pontos para eliminar notas negativas. Veja o item a seguir.

3.7 Cálculo da pontuação final:

· Respostas erradas, rasuradas ou marcadas com mais de uma opção por questão na folha de respostas anulam a questão, além de acarretar um desconto de 25% do valor da questão.

· Questões não respondidas (marca na coluna X) valem 0 ponto. O aluno deve escolher esta opção se não tem certeza da resposta.

· O total de pontos é igual à soma dos pontos obtidos de acordo com as regras acima mais 24 pontos (níveis PE e E) ou 30 pontos (demais níveis).

 

4. Recepção e aplicação da prova

4.1 As provas estarão à disposição das escolas na área reservada do site a partir das 13 horas do dia 12 de março. As provas devem ser baixadas e reproduzidas de acordo com o número de inscritos da escola. As folhas de respostas com instruções também devem ser reproduzidas, uma para cada aluno que irá fazer a prova, de acordo com o seu nível.

4.1.1 Pede-se aos responsáveis pela organização do concurso Canguru que mantenham em sigilo as provas até a data de sua aplicação.

4.2 As provas do CSFB 2018 serão aplicadas no dia 15 de março, quinta-feira, em horário que convenha à escola. Este é o dia mundial de aplicação da prova. Entretanto, a escola poderá aplicar a prova no sábado, dia 17 ou no domingo, dia 18.

4.2.1 Os alunos poderão ficar com as folhas de provas, desde que se comprometam a não divulgar os enunciados pela internet. Veja o item 4.4.

4.3 Os gabaritos (alternativas corretas) serão divulgados somente depois de encerrado o prazo para as escolas enviarem os dados relativos aos seus alunos.

4.4 É expressamente proibida a divulgação das provas pela escola fora do âmbito escolar (via internet ou outros meios) até o dia 30 de abril de 2018. Essa regra faz parte do acordo internacional do KSF, pois há países que irão aplicar a prova durante o mês de abril. A violação dessa regra pode causar o desligamento do país onde o fato ocorrer.

 

5. Correção das provas, resultados e premiações

5.1 Após a prova, os responsáveis pela aplicação deverão acessar o site do Canguru, onde irão encontrar o formulário online para preencher com os nomes e respostas de cada um dos seus alunos que fizeram a prova. Atenção! O preenchimento da planilha com os nomes e respostas de cada aluno será realizado através de formulário online que será disponibilizado na área reservada deste site.

5.1.1 Por motivos organizacionais, não será permitida a retificação de dados após a data limite para envio das respostas. Solicita-se aos responsáveis a revisão dos mesmos antes da data limite. Depois disto, não será possível fazer modificações.

5.2 Os dados enviados servirão para a análise dos resultados em âmbito nacional, mas não serão divulgados publicamente.

5.2.1 Escolas com alunos com potencial de premiação receberão um aviso para que enviem para a organização Canguru as imagens escaneadas das folhas de respostas originais desses alunos para a devida autenticação. Atenção!  O envio das folhas de respostas dos alunos com potencial de premiação será realizado através de formulário online específico que será disponibilizado na área reservada deste site.

5.2.2 A partir de 02 de maio, serão enviados às escolas os resultados de seus alunos, com destaque para os que forem premiados com medalhas de ouro, prata, bronze e participação. As escolas interessadas em adquirir as medalhas físicas deverão seguir as orientações publicadas no site.

5.2.3 Não haverá ranking de escolas. Cada escola terá acesso apenas aos resultados de seus alunos. Serão divulgadas apenas as notas de corte das premiações e alguns dados gerais estatísticos.

 

6. Declaração sobre as regras e normas de participação e responsabilidades

6.1 É imprescindível que os responsáveis pela organização do Canguru em cada escola leiam e cumpram rigorosamente as cláusulas desse regulamento, em cada estágio da participação. O CSFB não fará qualquer concessão contrária as essas regras, quaisquer que sejam as alegações dos solicitantes. 

7. Direitos autorais

7.1 São reservados para a Organização Internacional do Canguru sem Fronteiras (KSF - Kangourou Sans Frontières) o uso da marca Kangourou des Mathemátiques, França,  ou o equivalente em outros países como Canguru de Matemática, no Brasil, e dos conteúdos produzidos, tais como provas, livros, livretos, produtos educacionais, certificados e medalhas. 

7.2 As questões podem ser utilizadas dentro do âmbito escolar, sempre acompanhadas da indicação da fonte: Canguru de Matemática Brasil. Não podem ser utilizadas com fins comerciais (eg, inclusão em livros e apostilas comercializados por editoras ou sistemas didáticos).

7.3 Os certificados e medalhas são obrigatoriamente emitidos ou produzidos pela organização Canguru de Matemática Brasil. Qualquer emissão ou produção não oficial desses itens será penalizada com a exclusão da participação da escola (principal e coligadas, se for o caso) no Concurso do Canguru de Matemática Brasil, além de outras medidas judiciais cabíveis.